Lei que proíbe pulverização aérea de agrotóxicos é aprovada em Campo Magro, no Paraná

A pulverização aérea, prática nociva de aplicação de agrotóxicos, foi proibida no município de Campo Magro, no Paraná! A Lei 1011/2017, de autoria do Prefeito Claudio Casagrande, foi aprovada pela Câmara Municipal de Vereadores e sancionada hoje (20), tornando este município o primeiro da região metropolitana de Curitiba a proibir a pulverização aérea de agrotóxicos.

Lei que proíbe pulverização aérea de agrotóxicos é aprovada em Campo Magro, no Paraná

A assinatura da lei aconteceu hoje (20), no gabinete do prefeito de Campo Magro, Claudio Casagande.
Crédito da foto: Prefeitura de Campo Magro

A agroecologia, que domina a produção orgânica da região, o meio ambiente e toda a população de Campo Magro estavam ameaçados por novas técnicas de pulverização aérea, como a realizada com uso de drones, equipamentos aéreos controlados à distância.

60% da área total do município de Campo Magro é de cobertura vegetal, compondo o “cinturão verde” de Curitiba, com um forte foco na agricultura familiar, responsável pela produção de grãos, principalmente milho e feijão.


Com a nova lei, ficam proibidas também a comercialização de insumos, materiais e equipamentos destinados à pulverização agrícola aérea em Campo Magro!

 

Lei que proíbe pulverização aérea de agrotóxicos é aprovada em Campo Magro, no Paraná

Campanha Viva Sem Veneno em Campo Magro, Paraná

Lei que proíbe pulverização aérea de agrotóxicos é aprovada em Campo Magro, no Paraná

Feira orgânica em Campo Magro, Paraná
4477 visualizações